sexta-feira, 16 de dezembro de 2011

Eduardo Lourenço


"O ensaísta e filósofo Eduardo Lourenço foi distinguido com o Prémio Pessoa 2011. Uma das razões da escolha do júri foi a recente reedição, pela Fundação Caloustre Gulbenkian, da obra completa de Eduardo Lourenço, num total de 38 volumes de ensaios político filosóficos escritos entre os anos de 1945 e 2010.
Foi distinguido pela «cidadania atenta e actuante», sendo-lhe reconhecida «a intervenção na sociedade, ao longo de décadas de dedicação, labor e curiosidade intelectual», referiu o júri.
Na acta da decisão, o júri afirmou que «num momento crítico da História e da sociedade portuguesa, torna-se imperioso e urgente prestar reconhecimento ao exemplo de uma personalidade intelectual, cultural, ética e cívica que marcou o século XX português».
Eduardo Lourenço, de 88 anos, é considerado um dos mais relevantes pensadores portugueses, com «uma obra filosófica, ensaística e literária sem paralelo».
O júri entendeu homenagear «a generosidade e a modéstia» do saber de Eduardo Lourenço, porque «nunca desdenhou a heterodoxia nem as grandes questões do nosso tempo e da nossa identidade».
«Eduardo Lourenço é um português de que os portugueses se podem e devem orgulhar. O espírito de Eduardo Lourenço foi sempre reforçado pela sua cidadania atenta e actuante», considerou" (...). (Lusa)


Parabéns a Eduardo Lourenço!

Sem comentários:

Publicar um comentário